Esquecimento (por Mariana Castilho)

Eu saberia te dizer agora qual é a altura exata da torre Eiffel.  Saberia dizer quantas vezes assisti àquele filme e quantas vezes ouvi a música que você me apresentou. Talvez até lhe diria em quantos exercícios de matemática tenho dúvidas e quantas vezes fui ao meu museu preferido.

Mas eu esqueci. A essa altura meu raciocínio é tão lento quanto a Julieta, minha tartaruga. Por mais que abram os baús enterrados e tentem me fazer recordar, ainda falta. A última e essencial engrenagem para que meu cérebro funcione sozinho.


Não faço ideia de onde ela pode estar. Não sei se ficou naquela exposição sobre índios, se está junto ao meu mp4 perdido ou se está dentro daquele livro que lhe emprestei. Quem sabe ficou com a Julieta, deve ser por isso que ela tem andado tão rápido.

Mas você sabe, realmente onde essa pecinha deve estar. Ainda como você sabe que me perco rápido em devaneios e no centro da cidade também. E que passarei a viver cada dia ociosamente.

Por muito tempo estarei pensando no bendito dia e imaginando o que falarei; nunca me saíram tantos monossílabos antes. E a bela torre Eiffel ao fundo, eu dizendo sua história e dando ênfase aos seus trezentos e vinte quatro metros de altura. Lembrarei a melhor cena daquele filme, a nossa cena preferida. E também todas as outras coisas que você deve saber.

Mas também como realmente sei, que maldito vai ser esse dia. Porque, mais uma vez, a Julieta vai tentar morder seu dedo do pé na melhor parte do filme.
----------------------------------------------------------------------------------------
Texto da Mariana, do blog A Escritora Sonhadora
Imagem: the Eiffel Tower in paris by ~hongryu


P.S.: recebi um e-mail da Mariana pedindo pra ter um conto publicado no blog. Então,peço que a recebam bem, e deem seus palpites/conselhos/opinião sobre o conto. BTW,faz um tempo que eu estava cogitando a possibilidade de publicar textos de "convidados". Porém,só o faria quando esse pequeno blog tivesse um número considerável de leitores. De qualquer modo,se estiver interessado,mande um e-mail para: contatoabs@live.com

Comentários

  1. Amei o texto, as vezes é melhor esquecer certas coisas e pessoas, ou apenas guardar as lembranças caso ela volte.
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Ah, eu queria viajar pelo mundo e ter uma memória gigante, cheia de coisas bonitas e inesquecíveis hehe

    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Ah!, que texto lindo. Está tão bem escrito! Concordo com o comentário da Lola. Há coisas que ficam ainda melhores depois de esquecidas. :D

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Eu li esse conto com uma musica super calma como plano de fundo, entao ficou tao perfeito, tao classico, tao romantico, adorei, ela tem talento.

    ResponderExcluir
  5. gostei muito do texto, que a mariana volte outras vezes :)

    e você, querida emilie, venha sempre me visitar!

    ResponderExcluir
  6. Curti bastante o conto dela Emilie...bjokas

    ResponderExcluir
  7. você não consegue recitar um poema? como assim? se até eu consigo, você tbm consegue.
    gostei do texto, parabéns para a Mariana. que ideia legal, publicar textos de outras pessoas, espero que receba muitos por email. ;D

    ResponderExcluir
  8. Adorei o texto. Muito bom, beijo!

    Marina Alessandra do blog Maior de Idade
    @mariinaale

    ResponderExcluir
  9. cara todo mundo falando
    que ficou lindooo e eu concordo
    mas com a enfaze no >> cara ficou além de lindo puta invocado
    ushaushaushuahsuahusa
    confesso que ela tm talento pra cassete
    uahsuahsuahsuhaus
    queria ler mais textos

    radiopires.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Ah, gente! Muito Obrigado! :D
    Não esqueçam que podem me encontrar em: aescritorasonhadora.wordpress.com !
    Eu que tenho a agradecer o carinho de todos!

    Mariana Castilho

    ResponderExcluir
  11. Que delicia de conto, parabéns Mariana você mandou muito bem!
    Quero ver mais textos seus por aqui <3

    Heeim Emilie, tava aqui pensando com meus botões, sabe esse desafio de mandar um fotografia ou ilustração. Posso mandar um desenho feito por mim? :}

    Feliz Natal atrazadinho e um Próspero Ano Novo cheio de contos!
    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
  12. Que texto lindo! Adorei, super gostoso de ler.

    Beijo e um feliz 2013! <3
    http://quaseatoa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Emilie, a Mariana arrasou no texto, adorei, ela escreve muito bem, magnifico texto, beijinhos e um bom ano novo!

    ResponderExcluir
  14. Parabéns pelo texto Mariana!
    Super lindo :)

    Moda na Janela

    ResponderExcluir
  15. minha querida, quero que saibas o quão bem me sabe, em dias tão frios como os que vão correndo, chegar ao meu pequeno espacinho e ler umas palavras tão cheias de vida como as tuas.
    deste lado é tudo tão doce, é-me devolvida a esperança de um novo amor. talvez não tarde, talvez.

    ResponderExcluir
  16. Eu acho que o essencial é sempre recordar-se das boas lembranças,né?Aquelas engraçadas e doces.É o que fica,afinal <3
    Eu amei o texto.Eu amo detalhes dum relacionamento,sabe?!Faz tudo parecer bem real *_*


    Beeijinhos e Feliz Ano Novo!
    http://borboletametamorfoseando.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oie!

    Eu queria conseguir esquecer algumas coisas viu, mas minha memoria de elefante não me permite rs...

    Lindo o texto! Em cada palavra é possivel sentir com que emoção a Mariana escreve.

    Feliz Ano Novo!
    bjus;***

    anereis.
    mydearlibrary | bookreviews • music • culture
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  18. Adoro a Marina!
    Ela nunca decepciona quando o assunto é arte da escrita!
    Beijos,
    Vinícius - Livros e Rabiscos

    ResponderExcluir
  19. Gostei muito do texto, muito bom!!!!
    Desejo um feliz 2013 pra toda a equipe, desse blog maravilhoso.
    Beijão <3

    ResponderExcluir
  20. Muito bom!!!!!! Gostei muito do texto.

    Feliz 2o13, com muita paz, amor, saúde e prosperidade!!!!!

    http://inspiracaoentrelinhas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Gostei demais do texto, é nesse negócio de memória que pega mesmo, as vezes eu esqueço de momentos bons, e de palavras ditas :\ sou estranha... EMILIE! Que fofa você lembrou do meu aniversário!!! Na verdade é dia 29, mas valeu muito! Obrigada mesmo!! Ah, e eu fui umas das ganhadoras do projeto, vou ter meus textos publicados em um livro, juntamente com outros autores, e vai ser deixado na biblioteca! Estou muito feliz!

    FELIZ 2013!!!

    Essa menina escreve super bem!

    ResponderExcluir
  22. Tenho uma péssima memória, demoro muito tempo para associar pessoas a seus nomes. Falam comigo na rua e eu não faço ideia de quem seja na maioria das vezes. Sou um completo fracasso.
    Ah, eu ri com a Julieta no final! :-)

    ResponderExcluir
  23. Que lindo, Mariana! Talentosissíma, eu diria! Parabéns e continue escrevendo.
    Emilie, não tinha reparado que o que escrevi era uma charada, e vc matou sem nem ao menos eu saber que era charada: RASCUNHO. Muito bom! Hahaha.
    Agradeço-te pela visita e volte correndo assim que poder.
    Feliz ano novo, muita paz, saúde e inspirações pra nós!

    ResponderExcluir
  24. Que fofa, ela escreve muito bem *-*
    Adorei, principalmente a Julieta.

    Tecido_Doce

    ResponderExcluir
  25. Bem humorado, sincero e sensível. Exatamente como deveria ser. Gostei muito da leveza do texto, tão gostoso de ler.

    ResponderExcluir
  26. Gostei do conto *o* Está ótimo! Ah, eu tenho um conto mais... "fantasioso" que não sabia o que fazer com ele, acho que vou te mandar, espero que goste ;)

    ResponderExcluir
  27. Incrível algumas coisas ficam ainda mais belas quando são esquecidas ;)
    Lindo o texto!
    -xoxo

    www.s2juuh.blogspot.com

    ResponderExcluir
  28. Que lindo *_* Achei tão fofo. Sou extremamente apaixonada pela torre Eiffel, então fiquei toda encantada com o conto!
    Um feliz 2013 a todos vocês do blog e os "convidados". Um ano repleto de saúde, paz, amor e muitas postagens. Grandes beijos!

    ResponderExcluir
  29. Com certeza este foi conto foi muito bem recebido.

    História bem peculiar.

    ResponderExcluir
  30. Intrigante no sentido de inesperado.
    Gostei da forma com que as palavras foram colocadas,
    com cuidado, como em um lindo mosaico aonde tudo se encaixa.

    Um beijo!
    Jhosy

    http://meninamsicaeflor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  31. Com certeza amei o texto, o conto, ainda mais envolvendo Paris e romance, que combinação perfeita *O*

    Beijos
    http://mon-autre.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  32. Nossa, adoreeeeeeei o texto! E Paris é sensacional!

    Tem post novo no Sugar Dance, que está de volta ♥

    Beijos e boa quinta!

    Camilla Martins - Sugar Dance (clique no perfil)

    ResponderExcluir
  33. Lindo esse texto, e você soube super bem escolher para postar no seu blog, afinal aqui tudo é de muito bom gosto e inspirador.

    E já "fazendo a íntima", digo que eu ficaria extremamente feliz caso um texto meu também fosse postado aqui. Seria mais que uma honra. :)

    Abração, sweetheart :)

    ResponderExcluir
  34. É um bom texto, divertido de se ler. Bem escrito ^^
    NERDSferas

    ResponderExcluir
  35. Gostei muito do texto!! Parabéns à autora, é muito talentosa!
    Beijinhos

    Am
    http://www.vinteepoucos.com.br/

    ResponderExcluir
  36. Amei esse texto... Me arrisco a dizer que parece mais um tipo de crônica do que conto rs Mas eu sempre prefiro as crônicas... Seja o que for , amei!

    help-adolecentro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  37. Adorei a crônica. Ótima autora.
    Beijinhos, Jú!
    http://dream-after-dream.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  38. Belíssimo o texto da Mariana. Guest post são sempre bem-vindos e sempre trazem um charme ao blog.
    Beijão

    ResponderExcluir
  39. Adorei a ideia e a Mariana escreve muito bem, o conto ficou adorável. Talvez eu mande um meu, quem sabe, gostei disso. haha
    http://denovomaisumavez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Área interpretação livre: Faça comentários pertinentes ao texto. O que custa ler e opinar? Estou aceitando todas as teorias possíveis e interpretações mirabolantes (contanto que sejam sobre o conto).
Sem comentários superficiais, ok?: Se vier com um "adorei o texto", "interessante" (ou mesmo, se expressar de forma sucinta e sem significado) seu comentário não será aceito. E, nunca mais visitarei o seu blog. u.u
Prefira usar "Nome/Url" ao preencher a box de comments. Fica fácil na hora de retribuir.
Os comentários serão respondidos nesse post. Para ser avisado da resposta, selecione "Notifique-me", logo abaixo da caixa de comentários.

Postagens mais visitadas deste blog

Dois gatos

Teste de Coragem

Teto de verniz