De passagem n°5


Terminou de instalar os foguetes? - falava o “agente” pelo comunicador.

– Sim. Coloquei todos no lugar certinho. E estão bem encaixados, então não me enche.

– Você quem sabe, peituda.

         Ignorou o “elogio” do homem,saiu do meteorito, e subiu na moto voadora.“Se eu soubesse que essa moto se transformava já tinha fugido faz tempo”,pensava Emi. O uniforme novo tinha suas vantagens,permitia que ela respirasse fora da atmosfera terrestre. Só não entendia o por que dos olhos de vespa enormes no capacete.

– Emi, pode acionar os foguetes. Eles já estão programados apropriadamente?

– Sim. Eles vão seguir a rota programada e, na hora certa, soltar o meteorito contra a Terra.

– Certo. Pode ativá-los e voltar.

– Entendido.

      Ela ficou observando as estrelas, pensando em como sempre quis ir para o espaço. Quando era pequena, observava as constelações, sonhando acordada. Mas naquele tempo não haviam assaltos ou assassinatos. Não era como agora. Agora... Não havia mais tempo para sonhos. Apenas sobreviver o máximo possível. A família a abandonou. Amigos nunca teve. O que mais podia fazer a não ser obedecer a uma agência desconhecida, enquanto aguarda o dia de sua execução? E,por mais que o “agente” dissesse poder amenizar a situação, provavelmente nada iria mudar. Não depois do que ela fez. Isso mesmo. Restava apenas esperar.

– EMI, NÃO VAI VOLTAR? - já gritava preocupado o “agente”.

– Oh... Desculpe. - acionou os foguetes - Precisamos mesmo matá-los tão cedo? Quero dizer, mesmo depois de evoluírem bastante, eles acabam sendo derrotados e mortos na grande guerra contra a espécie humana, então por que se preocupar?

– Se eles vão morrer de qualquer jeito, não custa nada matá-los antes de saírem de sua forma primitiva e ver o que acontece.

– Ai, tá, tá... Estou voltando.

– Bom mesmo.

Emi retorna a sua época para receber mais uma missão. Os dinossauros são extintos.

Comentários

  1. Emi tendo o seu momento flash-back ;)
    Ei, e essa pedra caindo...? A minha ideia da extinção dos dinossauros é diferente xD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E qual é a sua ideia? Eu ouço muito falar nessa teoria, então preferi me basear nisso do que criar outra coisa, ou procurar por algo diferente (se é que tem).

      Excluir
    2. A "minha" teoria tem a ver com o dilúvio. Mas, claro que como a sua história se trata de sci-fic,essa que usou faz mais sentido.

      Excluir
  2. HAHA Parece um sonho que tive quando criança.

    Foi assustador pra mim.

    ResponderExcluir
  3. Nossa, acho que tenho medo de foguete!
    Nunca que aceitaria uma missão no espaço.

    bom domingo
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  4. tô gostando do rumo que a história tá tomando, adoro essa coisa de missão no espaço e etc. enfim, muito bom :D

    ResponderExcluir
  5. Adorei... gostei da versão pra extinção dos dinossauros... bjokas

    ResponderExcluir
  6. ai que medo, coitadinho dos dinossauros Emilie rs
    amei o conto :)
    beijos
    http://lolamantovani.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Nossa ela ajudou na extinção dos dinossauros.
    Que ... interessante! Adorei o conto!
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  8. Adoreeei o conto Felipe, bom ver uma versão de extinção dos dinossauros, gosteii bastantes :* beijinhos

    ResponderExcluir
  9. Aii mto bom esse conto, adorei! Beijinhos

    http://www.wefoundmoda.com

    ResponderExcluir
  10. eita diaxo rsr dinossauros tadinhin dos bixin rs

    http://garotoonerd.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. tô amando ler seus contos *-*
    http://primeirapessoa-dosingular.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. O conto me lembrou um pouco a série de livros Mochileiro das Galáxias.
    Gostei. :)

    Sacudindo Palavras

    ResponderExcluir
  13. Adorei o conto me fez lembra da minha velha infância.

    http://alguemparaconversa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Qual será a sua outra missão ??
    tadinhos dos dinossauros.

    http://fashiondreamsblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. AAAAAAH, adorei. Tem que lançar um livro com contos. AUHSUAUHHSHAU

    Beijos. Tudo Tem Refrão

    ResponderExcluir
  16. É normal lembrar do passado num momento como este de Emi. São muitas responsabilidades e mistérios, às vezes pode ser demais pra ela, mas ela está se saindo bem. Estou gostando muito, rs.
    Beijos.

    http://sabrinanunees.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  17. Esperava tudo no final, menos esse! Me surpreendeu bastante.
    Beijinhos

    www.hiperbolismos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. eu acho o espaço e o universo também lindos. eu fico olhando as estrelas e sonhando :)

    ResponderExcluir
  19. Oh Gosh, que interessante essa Emi, mas por que ela simplesmente não foge?! :/ rs

    Beijos
    Meu outro lado

    ResponderExcluir
  20. Adorei,está cada dia melhor.
    wolftheideia.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Adorei. Muito bom!
    agoratopronta.blogspot.com
    Beijos Vanessa.

    ResponderExcluir
  22. E vai virar um livro... Um beijo.
    http://eppifania.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  23. Este conto está tomando um rumo interessante e inesperado... o que será que vem por ai???? Curiosa *-*

    bjus

    anereis.

    mydearlibrary | bookreviews • music • culture
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Área interpretação livre: Faça comentários pertinentes ao texto. O que custa ler e opinar? Estou aceitando todas as teorias possíveis e interpretações mirabolantes (contanto que sejam sobre o conto).
Sem comentários superficiais, ok?: Se vier com um "adorei o texto", "interessante" (ou mesmo, se expressar de forma sucinta e sem significado) seu comentário não será aceito. E, nunca mais visitarei o seu blog. u.u
Prefira usar "Nome/Url" ao preencher a box de comments. Fica fácil na hora de retribuir.
Os comentários serão respondidos nesse post. Para ser avisado da resposta, selecione "Notifique-me", logo abaixo da caixa de comentários.

Postagens mais visitadas deste blog

Teste de Coragem

Dois gatos

Teto de verniz